Facebook lançou outra das suas muitas actualizações. Mas desta vez no seu algoritmo de feed das notícias. Isto tem um objectivo claro,  que é reduzir os links que são Spam. Basicamente, os de baixa qualidade.

E nós definitivamente estamos mais do que acostumados. Facebook, a rede social de Mark Zuckerberg, geralmente actualiza muitas vezes este algoritmo. O seu objectivo destina-se a mostrar melhor conteúdo aos utilizadores. Conteúdo mais relevante e informações úteis. Inclusive mais entertenimento. Embora claro que também para mostrar anúncios direccionados, para a atrair a atenção do utilizador. É uma realidade que faz parte dos objectivos do Facebook, que continua a ser uma empresa. E, como tal, deve sobreviver.

Desta vez, o Facebook explica que existe um pequeno grupo de pessoas na rede social que rotineiramente partilha grandes quantidades de conteúdo público. Mas fora do que pode parecer normal, estão realmente a encher com de notícias de spam o feed dos utilizadores.

Facebook Infocomputer

Soluções para os spammers no Facebook

Os investigadores deram conta que o Facebook pode ir mais longe. Indicam que esta quantidade de mensagens, são normalmente preenchidas com conteúdo de muito baixa qualidade. Como clickbait, sensacionalismo e informações que não são verdade. Em outras palavras, o spam.

A actualização terá como alvo as pessoas que publicam mais de 50 vezes por dia.

A intenção do Facebook, destina-se a reduzir a influência destes spammers. O que querem fazer é remover a prioridade de links que partilham esses spammers. E, pelo contrário, dar prioridade aos utilizadores que compartilham algo mais regular, ou seja, menos mensagens e conteúdo mais interessante e de maior qualidade.

O Facebook vai reduzir a distribuição dessas publicações. A razão é simples, para que os utilizadores muito activos tenham menos presença na rede social.

Facebook também deixa claro que esta prática não é tudo. A rede social diz que esta é uma pequena parte do problema que estão a atacar, e resolver, desde há muito tempo. Felizmente, os resultados dessas investigações e tomada de decisão com algoritmo são mudanças sempre satisfatórias.

Esta actualização afectará apenas links individuais, não a domínios, sites, vídeos, fotos, check-ins ou actualizações de status.